quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Nova Iguaçu – Xerém

Já saindo para o trabalho recebo uma ligação do Paulo convocando para o voo. Digo que o meu cinto não estava fechando a parte de baixo e que não iria rolar. Mas quando olho o dia e a previsão de chuva pela frente, mudo de idéia rapidinho e parto para Nova Iguaçu. Dia clássico, mas muito cansativo para mim que fiz o voo todo pendurado pelas fivelas do peito e da cintura. Hoje mal consigo andar com dor nas pernas, pés e cia. Mas como sempre valeu.




Antonio, Paulo, eu e Manuelzinho no pouso. O Gilson deu olé e sumiu.

2 comentários:

Roberto disse...

Fala Giovani ...
Grande prazer em revê-lo !!
Sou da época em que suas manobras radicais se limitavam aos aeromodelos !! Rsrs.
Abs,
Roberto P. Goes
rpgoes@gmail.com

Lucy disse...

Oi Giovani, tudo bem? Soube de seu através de um amigo em comum, Roberto Pontes.
Ele o indicou quando comentei o meu interesse de saltar.
Vc teria como entrar em contato comigo pra conversarmos melhor?
Meu MSN ou email é lucilly_barbosa@hotmail.com
Abraços